Quais cuidados se deve ter para aumentar a vida útil dos rádios comunicadores?

By in ,

Não importa o aparelho. Dependendo da maneira como você o utiliza no dia a dia, problemas podem ou não surgir mais cedo do que o esperado. Com o rádio comunicador não poderia ser diferente. Por isso, neste blog vamos te ensinar como proteger seu precioso investimento. Afinal, a eficiência comunicativa da sua empresa depende bastante desse importante aliado, não é?

Algumas dicas básicas podem fazer toda a diferença. Confira!

Cuidados básicos para prolongar a vida útil do rádio comunicador

Antes de mais nada, é necessário saber o que pode prejudicar o funcionamento do seu rádio comunicador. Ao aplicar algumas medidas simples, é possível obter resultados bem eficientes:

  • Tome cuidado para que o rádio comunicador não caia ou molhe.
  • Capas protetoras são extremamente úteis.
  • Não tente substituir qualquer peça por conta própria, a não ser, claro, que seja a bateria.
  • Mantenha o aparelho limpo. O excesso de poeira pode danificá-lo.
  • Não carregue o rádio segurando-o pela antena.
  • Não o deixe ligado na base carregadora.
  • Além disso, pessoas que possuem marcapasso precisam ter uma atenção redobrada, mantendo o aparelho a uma certa distância — cerca de 15 cm quando estiver ligado. Ainda que não cause dano ao equipamento em si, pode ser um risco para a pessoa. Então não o coloque, por exemplo, no bolso da camisa e crie o hábito de utilizá-lo no ouvido oposto ao do lado em que o dispositivo está implantado.

São cuidados super fáceis de aderir no dia a dia da empresa. E nem por isso são menos importantes. Então não deixe de seguir cada um deles.

A manutenção preventiva também é essencial

Porém, nenhum desses cuidados apaga a necessidade da manutenção! E não estamos falando daquela que acontece só quando o aparelho está claramente com problemas. Não, pelo contrário: é fundamental tomar conta do seu rádio comunicador com regularidade!

Quando insistimos em utilizar um aparelho que está com defeito, mesmo que essa falha não seja perceptível, estamos inevitavelmente piorando seu estado. Por isso, a falta de manutenção preventiva tem tudo para reduzir a vida útil do equipamento, que é 10 anos: o ideal é submetê-lo a uma revisão com certa frequência.

Mas, com o uso prolongado, o rádio comunicador também dá a você alguns sinais claros de que está precisando de manutenção. São eles:

  • Bateria durando menos tempo.
  • Aparelho deixa de oferecer alguma de suas funções, tais como recebimento ou realização de ligações
  • Ele perde eficiência e apresenta problemas de recepção ou transmissão.
  • Rádio travado no modo escuta.
  • Arranhões ou áreas danificadas que prejudiquem a utilização.
  • Caixa plástica fica desgastada.
  • Nível do volume perde sua capacidade de ajuste.
  • Baixo nível de captação de voz pelo microfone.
  • Dificuldades recorrentes para se estabelecer conexão.

Quando qualquer desses problemas é percebido, é imprescindível que o aparelho seja enviado para a assistência técnica em uma revenda autorizada! Esse detalhe é fundamental, pois é o que garante que o aparelho receberá o tratamento que merece. Ou seja: cuidado especializado e uso de peças originais no momento do reparo.

Gostou das dicas? Agora convidamos você para dar uma olhada em outro de nossos blogs: Tudo em um só lugar: a Mendonça Radiocomunicação oferece o serviço completo para você.

Lá, mostramos como sua empresa tem a segurança e a qualidade garantidas ao fazer negócio com a gente. A Mendonça Radiocomunicação oferece tudo o que você precisa em um só lugar. Sinta-se à vontade para entrar em contato conosco. Rádios Comunicadores são a nossa especialidade!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.